sábado, 30 de julho de 2016

Fim do Blog

Isso mesmo pessoal, o fim do CF se aproxima. O tempo em que passei aqui junto a vocês foi muito legal e aprendi muito, mas pretendo dar uma sumida da Internet e dar mais atenção à família e à vida privada.

Preciso confessar que no último ano a Internet me consumiu muito tempo. Nos últimos meses tenho pensado bastante nisso, e vi que não foi só no último ano, mas a vida toda.

Apesar de ter sido bastante pobre, tive acesso a computadores desde que nasci, e Fiz uma reflexão muito profunda sobre a quantidade de informação que confiamos na Internet, que já não garante anonimato a muito tempo  (leiam os livros sobre o Snowden e o com o Assange). Se eu tenho vergonha das minhas notas ridículas na escola, provavelmente vou ter vergonha do que compartilho hoje aqui.

Nos últimos dias eu vi que não sou mais uma pessoa feliz. Estou perdendo tempo de vida em coisas idiotas. Esta semana apaguei o Facebook, que me consumia um bom tempo todos os dias. Com a desculpa de ler uma notícia qualquer, eu lia toda a linha do tempo, reclamava, compartilhava alguma bobagem sobre política, perdi amigos... não acho que isso seja saudável. Fora que a idéia toda daquilo é ridícula. Somos amigos de pessoas que nem conhecemos direito e queremos parecer quem não somos.

No whatsapp é a mesma coisa. Nunca mais assisti um filme sem olhar pro aplicativo e perder a atenção quando o celular avisa que alguém falou algo. Faz tempo que nem abro um livro.

O conteúdo está cada vez mais vazio. Eu gostei muito do site O Antagonista, assim como gostava da Veja uma vez. Mas as notícias nao querem dizer nada, ninguém nunca vai preso e tudo parece um teatro. Na área das ciências é a mesma coisa... Não tem a ver com a vida real.

Antigamente eu nem carregava o celular, raramente consultava o email, e agora sinto necessidade de estar sempre conectado.

Minha esposa não quer que eu apague o blog, mas ela mesma já reclamou de eu ficar lendo na blogsfera  (coisas que já sei), perdendo tempo respondendo merdas no whats e Facebook ou assistindo a lixo no YouTube.

Eu não li mais livros nem aprendo nada UTIL a muito, muito tempo. Também larguei a academia e a luta as quais me dediquei por uma década.

Vou fazer uma forte dieta de informacão, pesquisar coisas pra loja que vamos abrir e não vou mais carregar celular comigo.

Tento não ver notícias sobre o fim do mundo (que nunca chega) na televisão. Eu fico preocupado e nervoso, paralisado, pensando no que fazer da vida se isso ou aquilo acontecer.

Sinto falta de deitar no chão de madeira da casa dos meus avós e assistir Duro de Matar na Temperatura Máxima, sem preocupações, apenas feliz por meus familiares estarem em casa comigo e não trabalhando. Quando penso que aquele tempo não volta mais sinto uma grande dor na alma.

Não estou nada bem. Quero curtir a vida, deitar na praia, sair mais de casa além do supermercado e fazer amizades reais como as poucas que deixei no Brasil. 

Sair do Brasil foi um grande objetivo que conquistamos e eu não estou feliz. Isso me deixa preocupado, pois não tenho mais grandes objetivos como tive a vida inteira.

Conversei com minha esposa para ela não ir trabalhar em uma merda de empresa para abrirmos um negocio como era nosso plano. Ela ia trabalhar a uma hora de casa em horários péssimos e ganhar mal exatamente como no Brasil. Sair de lá pra levar a mesma vida? Isso me deixou muito triste e preocupado. Felizmente tomamos outra decisão.

Nunca mais serei empregado na vida. Todo o tempo em que passei trabalhando para os outros foi tempo perdido. Se um dia tiver um filhos, quero ter tempo pra eles, como meu avô e tios empresários sempre tiveram para os seus. Não quero pagar alguém para cuidar do meu filho nem deixar ele o dia inteiro sozinho em casa ou numa creche.

Minha família está sumindo. Minha mãe está aqui nos visitando e fica tossindo sem parar... E surpreendentemente está tentando parar de fumar de modo sério. Ela nunca fez isso e tenho medo que ela esteja doente. A pouco ela se aposentou e agora tem curtido viajar, como quando era jovem e não era casada. Foi pobre a vida inteira e não foi feliz com meu pai. Temo que em breve ela esteja em uma cama de hospital e eu não possa estar com ela em seus últimos momentos, assim como ela que estava viajando quando meu avô morreu.

Já não tenho mais pai nem irmãos pois não falo com eles a quase uma década. Meu avô morreu, minha avó está muito velha, e sobraram uns tios que cada vez menos lembro. Em breve seremos só minha esposa, que já é sozinha e eu.

Em reação a investimentos, sigo a  filosofia do Baster. Não adianta se preocupar, se o mundo acabar acabou. Preciso me preocupar com minha saúde e em ser feliz.

Eu não quero me tornar uma pessoa depressiva, quero voltar a rir e conversar ao vivo com as pessoas. Não quero saber de temas complexos por um tempo e por isso vou sumir. Quem sabe eu acompanhe como anda a blogsfera. Fica um grande abraço no coração de todos vocês, amigos e visitantes. Muitas felicidades e que a deusa da fortuna sorria pra todos nós.

29 comentários:

  1. CF li e reli ,mas não entendi muito bem alguns pontos.

    Vou usar minha persona como exemplo do porque não acredito ser uma sabia escolha excluir o blog.

    - Waths tenho mas nem olho
    - facebook tenho, mas nem entro
    - Informações tóxicas na internet , não perco meu tempo discutindo sobre política&ideologia.
    NO Caso dos keynesianos burros fazerem merda mundo a fora:
    - Nos investidores ganhamos dinheiro do mesmo modo
    - SE um socialista fazer merda na medida do possível compramos ativos em outros países brindamos nosso patrimônio.
    Todas informações quais leio tem de ter alguma utilidade para avançar em meus objetivos.
    - Dieta da informação funciona comigo, na medida do possível lastreada a um filtro rigoroso, apenas absorvo informações a quais tem alguma utilidade prática.
    - Se nosso sistema financeiro ruir provavelmente se reerguera novamente como no passado e se mesmo assim as coisas estiverem ruim, temos a nossa disposição terras agrícolas para nos fornecer subsistência básica.
    - Empreender é a maneira mais rápida de ficar rico, porem tem de saber jogar isca " Poucos tem sabedoria para saber a hora correta de entrar ou sair de um negócio".
    - Infelizmente classe média é a mesma coisa aqui ou no primeiro mundo, apenas muda probabilidade de enriquecer por meio de empreendedorismo
    - Sobre Anonimato das Informações: Governo sabe até quanto tu tem na cueca por meio do CPF& contas bancarias, contas as quais são vinculados com todo sistema da receita federal.
    Internet apenas sendo um saber hackers anônimo para conseguir camuflar seu rastro na rede.
    A importância do anonimato na rede, serve apenas como proteção para pessoas comuns ao qual não tem acesso ao computadores do governo, fora isso governo sabe quase tudo sobre nossa informações na internet já faz muitos anos.
    Tão pouco estou preocupado se o governo sabe quais trocos tenho na conta, pois ele sabe isso apenas pela integração do sistema da receita federal.
    O importante mesmo sempre foi manter anonimato para Massa.

    Resumindo: Não perca seu tempo com coisa quais não pode se ter controle.
    Use este blog apenas como fonte de informação e entretenimento sobre investimentos e frugalidade.
    Nada mais acrescentar sobre qualquer outra tema.
    Esquece: Facebook, Whats ou qualquer outro lixo , pois não acrescente muita coisa em nossas vidas, substituía informações inúteis por úteis, te garanto que sua vida ira fluir de uma maneiro muito interessante.
    Um dos fatores mais importantes na blogosfera sempre foi descobrir novas metodologias de ganhar dinheiro no mercado financeiro, racionais e estratégia qual podemos verificar em tempo real ao longo dos anos, pena que a maioria usa para fazer fofoca.
    Nada de teoria bonitinha de livro sem utilidade, apenas o racional cru ao olho do senhor mercado mostrando o que funciona ou não na prática cotidiana.

    Sobre família: Estou exatamente igual a ti quase um raio X da minha vida, porem única coisa que posso fazer neste momento " Ganhar mais dinheiro para sair o mais rápido possível da corrida dos ratos.


















    ResponderExcluir
  2. Ola CF,

    Fico triste com sua decisao, mas se voce acha que vai melhorar a vida sem o blog quem somos nos para convence-lo do contrario.

    Umas semanas pra tras eu estava com pensamento similar em relacao ao blog, pois eu nao fazia mais nada a nao ser ficar dando update no meu blog pra ver se teve algum novo comentario ou postagens dos blogueiros adicionados pra ler e comentar.

    Ate meus projetos digitais durante um tempo ficaram parados por que meio que viciei no blog, mas corrigi isto, e agora estou na forma correta, quando tenho tempo livre e quero escrever, escrevo, e nao me sinto mais obrigado a comentar ou ler todos os blogs como antes.

    A questao Facebook e midias sociais eu nao tenho, entao nao passo por este problema.

    Mas, se mudar de ideia, os amigos virtuais estarao aqui.

    Abraco CF

    ResponderExcluir
  3. Que post triste C.F., mas é isso mesmo, precisamos de vez em quando parar para refletir como andam nossas vidas.

    Penso a todo momento, como eu queria retribuir os anos que minha mãe se dedicou a minha criação, mas minha vida de merda não permite. Tenho percebido que estou cada vez mais individualista, mas não é para menos. Cada vez mais meu poder de compra é menor. A vida é dificultada por burocratas e empresários corruptos. A mídia é comprada e um joguinho chamado não seja demitido é considerado engraçado.

    O mundo está ao avesso e as crises são cada vez mais frequentes. Não temos certezas de nada e a nossa qualidade de vida só decai.

    Acho de chegamos ao topo da pirâmide do desenvolvimento, agora é só esperar ela ruir a partir de suas bases gerando uma grande implosão e o começo de uma nova era.

    Releia o livro do Schwarzenegger, redefina suas metas e objetivos de vida. Visualize em um horizonte próximo algo melhor para você sua esposa e sua família.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Sei como é isso.

    Apaguei o facebook há quase 2 anos já. Apaguei meu blog há uns 4 anos. Apaguei alguns jogos do meu celular (aqueles que te fazem jogar durante anos, tipo candy crush, e que não terminam nunca). Apaguei vários grupos do whatsapp.

    Estou mais feliz assim.

    ResponderExcluir
  5. Sorte em sua vida e um abraço!
    Jota

    ResponderExcluir
  6. Sinto muito por você CF. Também vinha perdendo muito tempo valioso principalmente com notícias de política. E vi que nada muda, os atores são os mesmos.

    Você poderia não logar mais, pedir para sua esposa mudar a senha e quem sabe daqui um ano você dar uma olhada e vê o que mudou.

    ResponderExcluir
  7. Muito triste...gosto muito do seu blog. Acho que o melhor mesmo é voce dar um tempo no blog e depois voltar la na frente. Primeiro, é preciso que voce faça as coisas que se sinta feliz. Desapegar de coisas que nao te façam bem e buscar ser feliz ..
    Abraço

    ResponderExcluir
  8. Facebook, o que é isso? Tem tanto tempo que não acesso esse lixo que nem lembro mais minha senha.
    Para não dizer que tem mais de um ano que não acesso, acessei em dezembro do ano passado quando soube que uma ex colega de trabalho estava mal no hospital, não acreditei, como tinha contato com ela acessei para ver se havia algo na página dela. Vi lá as mensagens dos amigos e parentes dela. Ela morreu. Foi fazer uma cirurgia simples e teve embolia pulmonar. Passou 15 dias internada e morreu no hospital. Menina nova, binita e recém casada. Com 32 anos. Super gente fina.
    De alguma forma a morte dessa colega, que eu não tinha tanto contato, teve impacto sobre mim. A gente perde tanto tempo com besteiras. Se irritando com os problemas do Brasil e do mundo, com a corrupção, com os gastos das olimpíadas, com a demora da prisão do Lula e não percebemos que nossa vida pode ser tão breve.
    Eu já fazia dieta de informações, passei a ser um alienado convicto. Para saciar minha vontade de leitura na internet, me limito a ler os blogs que gosto. Este é um deles. Mas não acesso mais site de notícias. Sair de todos os grupos do whatsapp, fiquei só nos dos colegas de sala do trabalho, que é bem tranquilo.
    Outra coisa que fiz foi colocar metas de saídas por mês. Meu cartão de crédito me dá 50% de desconto no cinema. Vou toda segunda feira ao cinema, em que o ingresso é metade do preço e eu pago 25% do preço.
    Se fizer sol saio para caminhar todos os finais de semana e estou assistindo aos filmes e séries que gosto. Toda semana estou saindo para conhecer um restaurante diferente. Não perco mais meu tempo me preocupando com besteira, então sobra tempo para fazer o que gosto.
    Se o blog está consumindo o que vc tem de mais precioso, seu tempo, então encerre mesmo. Lhe peço que não apague os post's, tem aqui muita coisa interessante que pode servir para muita gente.
    Boa sorte na sua empreitada. Se vc quer ter o que a maioria não tem, tem que fazer o que a maioria não faz.

    ResponderExcluir
  9. CF,

    NÃO FAÇA ISSO!

    Vou repetir:

    NÃO FAÇA ISSO!

    Da mesma forma que eu falei para o BBB, repito para você. Gosto muito do seu blog, aprendi e continuo aprendendo MUITO com ele, principalmente pelo fato de termos cabeças bem parecidas.

    Admiro ainda a sua coragem e a da sua esposa em ir embora do depósito de lixo e começar uma nova vida no Primeiro Mundo, que é exatamente o que eu pretendo fazer em um futuro próximo.

    Eu sou jornalista, logo, afirmo com propriedade que pelo menos 90% dos jornalistas são esquerdistas. Portanto, ainda mais no Bostil, temos uma imprensa muito progressista, se é que você entende-me.

    Portanto, boicote esses vagabundos e fique apenas com a internet, principalmente os blogs independentes como o do Aluízio Amorim, O Antagonista, Políbio Braga, etc...

    Quanto ao Facebosta, exclui o meu há anos e foi a melhor coisa que fiz na minha vida! Não tenho mais nenhuma rede social, exceto o Whatsapp, que não devo ter nem dez contatos adicionados.

    Em resumo, espero que você reconsidere a sua decisão. Gosto muito de acompanhar a sua jornada e tenho certeza que muitas outras pessoas pensam igual a mim.

    Forte Abraço!

    IL.

    ResponderExcluir
  10. CF é muito triste isto. Mas vc pretende deixar o blog para lermos, ou vai excluir mesmo? Tem muitos posts interessantes que vc escreveu....

    Boa sorte, e tudo há de melhorar.....

    ResponderExcluir
  11. Também tenho perdido muito tempo com internet. O que as vezes faço é coloco como meta é fixar dois dias sem entrar em rede social ....deixo o celular desligado. Quanto a sua decisão, espero que dê tudo certo... abraço e boa sorte.

    ResponderExcluir
  12. Toda despedida é triste,
    Você é um referencial aqui na blogosfera, seu blog é muito proveitoso.
    Se decidiu que é o melhor para você, vá em frente e seja feliz...
    Quanto ao mundo não há nada de bom de esperar dele...Não sei se acredita ou não em Deus, eu creio e tenho certeza da sua existência. Minha esperança não está nesta terra e nem nas sua riquezas e sim naquilo que Deus preparou para aqueles que o amam, somos peregrinos aqui na terra.
    O vazio que sente tem e do tamanho de Deus é só ele para preencher. Seja inteligente, acreditamos em tantas filosofias e conhecimentos de homens, iriamos virar as costas para o conhecimento de Deus? No demais meu amigo é isso, foi bom ter o prazer em te conhecer. Abraço

    ResponderExcluir
  13. Se assim decidir deixe o blog... Apenas não o atualize

    ResponderExcluir
  14. Grande CF,

    Na internet existe bastante conteúdo que só serve para nos irritar ou nos deixar angustiados, mas também existem valiosas fontes de entretenimento e informação.

    Eu já tive minhas vontades de me afastar por completo da internet, mas com o tempo fui vendo que o ideal é não se afastar, mas sim separar o joio do trigo.

    Hoje evito sites de notícias, que só nos trazem aquele sentimento de que o Brasil não vai pra frente (como se já não soubéssemos disso), evito discussões políticas pois sei que elas só trazem stress e não levam para canto nenhum, mantenho-me invisível em redes sociais pois elas só servem para eu me decepcionar com o comportamento carente por atenção que meus conhecidos possuem, enfim, tento afastar tudo que consome meu tempo de forma negativa, focando meu tempo nas coisas que considero positivas.

    A blogosfera financeira é um ambiente que considero positivo (com a exceção de uns poucos blogueiros especialistas em cagar pelos dedos), e imagino que você também pense dessa forma, então fica aqui o meu convite para que você de fato abandone a maioria das coisas que você mencionou no seu post, mas permaneça em nossa humilde comunidade.

    De qualquer modo, se você estiver irredutível em relação a essa decisão, desejo muita prosperidade para você e sua esposa aí em Portugal ou onde quer que vocês queiram morar.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  15. Puxa vida,

    cara, foi um choque enorme pra mim ler esse post.

    Eu entendo o seu ponto e acho que você está certo, pois também perco muito tempo de minha vida na internet.

    Tem dias que acordo e entro no pc, fico nele o dia todo, e só a noite saio para ir na academia. Isso equivale a um dia inteiro perdido. Um dia sem sequer ver sol, um dia sem conhecer novas pessoas, um dia desperdiçando um incalculável número de probabilidades.

    É uma grande tristeza perder meu xará aqui da blogosfera, mas apoio sua decisão. Desfrute o máximo que puder do seu novo país, anote tudo o que puder como lembrança, e se um dia puder, compartilhe conosco!
    Fique com Deus meu amigo! Boa sorte com a sua vida!

    Obrigado por tudo CF!
    Bons ganhos e um grande abraçoo!

    ResponderExcluir
  16. Meu caro CF, seu blog certamente fará muita falta. Para mim e para a maioria, você é um exemplo. Quebrou tendências e vai continuar a superar tudo em sua caminhada.

    Estimo a você muito sucesso na vida pessoal.

    Também pensei muito sobre o que escreve a respeito de gastar muita energia com internet e bobeira. Esse estilo de vida é muito artificial.

    Rogo a ti que não nos abandone. Mas foque também na tua obra.

    "Qual é a tua obra ? " Deixo aqui um bom livro ou vídeo no Youtube do Mário Sérgio Cortella

    Estou reduzindo também um pouco o meu estilo de vida digital e passarei a fazer mais coisas simples que me davam muita alegria, como por exemplo um passeio de bicicleta com minha esposa. Vou aproveitar a vida e focar no caminho que estou trilhando.


    Forte abraço meu caro e mais uma vez, não suma.

    ResponderExcluir
  17. Olá confrade CF

    Não pudia deixar de comentar também sobre a minha surpresa ao ler seu post. Assim como os demais companheiros da blogosfera também fico triste.

    No entanto, entendemos o seu sentimento e compreenderemos se a decisão tomada for definitiva.

    Eu particularmente uso o meu blog como válvula de escape e motivação para trilhar os meus objetivos e na minha humilde opinião acho que você deveria repensar esta decisão com mais calma. Afinal tudo que vivemos na vida são fases. Há fases boas como fases ruins, em suna tudo passa e após passado aquele momento a decisões que não tem mais como se voltar atrás. Felizmente essa sua não é uma dessas é claro pois poderá reativar o blog se assim o desejar.

    Aprendemos muito uns com os outros, aqui é um nosso barzinho virtual onde encontramos bons amigos pra bater aquele papo e trocar boas informações.

    Sou grato a muitos blogueiros e isso incluí você que também me ajudou a ser uma pessoa um pouco melhor.

    Que a força esteja sempre com você!!!

    ResponderExcluir
  18. Poxa amigo, que pena.
    Mas já estava na hora. Em até 6 meses no máximo vc irá perceber quão bom é deixar de postar aqui.
    Abraco

    ResponderExcluir
  19. É uma pena,mas confesso que eu também estava que nem vc. Tem um tempo que saí do facebook e me senti aliviado, depois de ler seu post eu resolvi mudar um pouco com whatsapp, já que eu não vendo absolutamente nada nele eu coloquei no silencioso e só parei pra olhar de 3 em 3 horas e responder o que era realmente necessário, rapaz...é impressionante como isso mudou meu dia, alguns mais apressados ligavam pra mim e o assunto se resolvia logo ali sem aquele lenga lenga de ficar digitando ou mandando msg de voz.
    Boa sorte pra vc meu caro, seu blog me ajudou em muitas coisas.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  20. Posso te dizer que, vc e muitos aqui, são motivadores de uma vida melhor, e entendo vc perfeitamente.
    So n apague o blog.
    Forte braço

    ResponderExcluir
  21. Posts assim me tocam profundamente pois tenho uma visão muito diferente da vida, mas no fim todos nós queremos passar por esta vida com o mínimo de proveito possível e fazer nossos familiares felizes. Espero que tudo dê certo e consiga aproveitar seu tempo como deseja. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  22. Ótimo blog li quase todos os posts, só tenho a agradecer a vc pelos ensinamentos passados.

    Espero tbm que não apague o blog, muito informação boa reside aqui.

    Abraço e boa sorte!!

    Anon Triste com o fim do blog.

    ResponderExcluir
  23. Entendo seu lado, mas fico chateada, seus posts eram ótimos. Estou lendo seu blog desde o início, ainda tenho muita coisa para ler, por isso gostaria de pedir que não o deletasse, ao menos não por enquanto.
    Vai parar com os outros blogs também? (bitcoins e portugal)

    ResponderExcluir
  24. Olá amigo, apesar de lamentar o final do blog, apoio a dieta de informação.
    Faz uns três anos que apaguei minha conta do faceburro e desde então nunca tive um dia sequer de arrependimento.
    Whatsapp nunca tive e nunca fez falta. Cada vez que um amigo tenta me convencer dos benefícios dele, no meio da conversa acaba admitindo que recebe um monte de mensagens inúteis dos grupos de que participa.
    Meu único excesso atualmente são os blogs de finanças e um fórum de investimentos. De tempos em tempos me policio para gastar menos tempo com eles.

    Em relação a seu estado depressivo, acredito que seja uma fase da adaptação à vida fora. Se pesquisar na internet vai encontrar muitos relatos de pessoas afirmando que após uma fase inicial de deslumbramento e empolgação, costuma surgir uma fase de depressão, normalmente relacionada à distância dos familiares e amigos. Essa fase deve passar e ser sucedida por uma de aceitação e conformismo com a nova realidade.
    Tente formar novos vínculos com vizinhos ou pessoas com hobbies e interesses comuns. Isso certamente ajudará a superar a fase depressiva mais rapidamente.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  25. Cf!

    Compreendo tudo que vc disse.
    TE desejo sucesso, felicidade e fortuna.

    Que a luz volte a brilhar em sua vida e de sua família!

    LEmbre-se: Fé em D-us!

    ResponderExcluir
  26. Vc foi um dos primeiros a interagir lá no meu blog quando ele começou, sinto muito.

    Não apague o blog, ele faz parte do seu legado.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  27. Sentiremos Saudades.

    ResponderExcluir
  28. Cara, concordo com todos os comentários acima e adiciono um argumento para não acabar com o blog... Este é um espaço onde você tem voz para o mundo... Você influencia de alguma forma cada leitor que visita este espaço... Mesmo os que não comentam refletem sobre o que você escreve... Se tem um local onde o que você pensa tem valor e é levado a sério é aqui (além das pessoas mais próximas de você).

    Assim sugiro que você utilize este espaço para comunicar ao mundo o que pensa... Acho importante fazer uma "dieta de informações"... Sendo assim, limite seu tempo e suas fontes de informação e mantenha a disciplina de não navegar além das fontes que você selecionou...

    É possível compatibilizar tudo que você quer fazer no mundo real com suas atividades no blog e no mundo virtual...

    Quanto a não ter mais objetivos na vida... como não? Você acabou de citar que pretende abrir um negocio com sua esposa... Que baita desafio!!! Planeje, sonhe e vá em frente!

    Abraços

    ResponderExcluir
  29. Não delete o blog, se decidir por não acessar mais apenas deixe ele e não o atualize, o conhecimento aqui passado pode vir a ajudar outros futuramente, deixo um abraço e desejo-lhe muito sucesso.

    ResponderExcluir