domingo, 18 de junho de 2017

Objetivos profissionais atualizados

Olá amigos do blog,

Minha vida está muito mais fácil ultimamente dado a relativa tranquilidade financeira e por estar motivado, ocupando meu tempo estudando coisas que gosto como a muito tempo não fazia. Quer dizer, a muito tempo estudo sobre construção civil e mercado imobiliário, mas antes era sempre com a sensação de estar estudando algo apenas por curiosidade e sem aplicação prática na minha vida.

Tenho passado o tempo livre assistindo videos no youtube sobre carpintaria e também sobre construção em alvenaria  do modo que se faz no Brasil e técnicas de pedreiro, pelo meu objetivo de construir futuramente ai no Brasil. 

Por incrível que pareça não existem muitos cursos de carpintaria aqui em Portugal. Não posso contar com nenhum SENAI da vida para dar uma acelerada no conhecimento, aprendendo apenas através do trabalho. O problema é que, faço um tipo de trabalho hoje e outro na próxima semana. As vezes vou fazer o mesmo tipo de trabalho daqui a um mês. Como gosto de dominar o ambiente e ser independente onde quer que esteja, estou à caça de cursos de curta duração.

Encontrei um rápido para pedreiros com foco em desempregados (portanto deve ser grátis) a poucos kilometros de minha casa e amanhã minha amada mulher vai buscar informações, até porque me enquadro como "desempregado" aqui.

CF aprendendo o que devia ter aprendido
aos 15 anos.

Amanhã mesmo passarei na papelaria para adquirir um caderno de anotações. Tenho muitos resumos na cabeça e pretendo montar uma apostila detalhando a construção de uma casa, do estudo e medição do terreno até o telhado, passando pela fundação e vigas, chão paredes, sistema elétrico, hidráulico, etc. No youtube cada um faz de um jeito e provavelmente vou seguir o projeto e ordens de meu tio engenheiro no Brasil, mas quero ter nível para mandar e acompanhar os outros profissionais. Baixei umas apostilas pra detonar também.

OS LIVROS SOBRE O ASSUNTO SÃO CAROS DEMAIS NO BRASIL, em Portugal idem, já nos USA são centenas ou milhares de títulos por 10 dólares... Vai entender esse capitalismo malvado.

Os carpinteiros americanos recomendam alguns livros clássicos, mas lá os sistemas são diferentes então me mantenho nos vídeos. Gosto de ter alguma espécie de manual para conhecer termos e processos padronizados e se alguém conhecer um bom aceito a sugestão.

Wood frame americano

Provavelmente o plano de construir vai ser protelado mais um tempo caso eu consiga ir aos USA ano que vem, mas isso seria ainda melhor na questão do conhecimento.

Portanto meus objetivos profissionais já estão claros para os próximos 3 anos.

Tornar-me profissional na carpintaria.
Passar um semestre nos USA.
Construir uma casa.

13 comentários:

  1. Boa CF, um bom carpinteiro não fica "sem serviço" nunca !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é verdade, não tenho notícias de um bom carpinteiro sem trabalho.

      Excluir
  2. Buenas CF! Pelo que entendi, o sistema construtivo aí é mais parecido com o brasileiro. Realmente não entendo porque o sistema frame não é mais difundido por aqui (Brasil). Agora está aumentando um pouco o steel frame, mas o custo ainda é caríssimo comparado à alvenaria tradicional.

    A propósito, ainda não havia comentado, mas a mudança das cores facilitou a leitura, ao menos para mim.

    Abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que sim, pois aqui usam bastante alvenaria. Tenho a impressão que aqui se gasta mais material e no Brasil as casas populares são mais enxutas.

      Aqui também se usa frame de alumínio pra parede de gesso cartonado. Se compensar, vou construir a parte de dentro das minhas casas com isso. Mas como você disse, não tenho certeza se compensa no Brasil, o que é estranho pois gesso e alumínio ou madeira são relativamente mais baratos dado o tempo de construção.

      Que bom que gostou das cores!

      Excluir
    2. Até se eu aprender, eu mesmo farei.

      Excluir
  3. Fala, CF! Muito legal ver essa sua empolgação, pelo visto você se encontrou na carpintaria.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faziam anos que eu não tinha boas perspectivas no âmbito profissional. Agora tudo mudou pra melhor!

      Excluir
  4. Vai fazer uma apostila para para o blog CF? seria muito bom! Uma pergunta,não dá para adaptar esses livros americanos para o sistema métrico? ou quem sabe poderíamos trabalhar em construções usando polegada mesmo? e uma ultima duvida carpintaria é muito diferente de marcenaria?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Para o blog não, só pra mim mesmo. Para o blog daria um trabalhão pra fazer o que já tem na Internet. Pretendo escrever pois aprendo melhor assim. Mesmo assim vou fazendo posts sugerindo material de estudo.

      Dá pra adaptar ao sistema métrico sim, mas eles constroem de modo diferente. Usam muito o frame de madeira ou metal, e a gente usa alvenaria. Se eu achar um livro mais generalista compro e digo aqui.

      Da pra usar polegadas e pés, mas fica mais difícil pros brasileiros.

      O marceneiro trabalha mais com o fabrico de móveis, portas, armários e objetos de madeira. O trabalho dele é mais fino e delicado.
      O carpinteiro instala isso tudo, ou trabalha na construção fabricando telhados, estruturas, chão, colocando portas, rodapés, escadas... Logo faço um post sobre isso.

      Excluir
  5. Fala CF,

    Legal cara, bom ter esta motivação. Tentarei seguir um pouco os seus passos, venho passado uma fase de desânimo total.

    A opção dos EUA (que li num dos tópicos anteriores) me parece muito boa.

    Abração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coloquei na cabeça ir pros USA se tudo estiver bem . só não irei se algo der errado ou minha mulher não ficar feliz com a ideia.

      Agora que você está no ponto alto da carreira talvez seja hora de conversar com sua esposa sobre filhos VDC. Lembro que você comentava que desejava ter. Trabalho é assim mesmo cara. Tente não levar stress pra casa.

      Um abraço

      Excluir
  6. Fala CF, sou leitor assíduo aqui mas pouco comento.
    Caso avance e ponha em prática seus estudos, pode ser opção você mesmo modelar um curso no futuro.
    Sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Felipe.
      Pode ser, mas isso já é complicado. Ensinar demanda bastante tempo, e alguma vocação. Não sei o que o futuro espera, portanto não vou descartar a possibilidade.

      Grande abraço

      Excluir